terça-feira, 4 de setembro de 2007

Tropa de Elite

Dica do músico Lucas Santanna no site/blog dele, o Diginóis. Um lugar do caralho.

Como já é público e notório o filme Tropa de Elite, que será lançado em outubro, foi pirateado e está sendo vendido nas esquinas das cidades de todo o Brasil. E claro, alguém já colocou no You Tube. E eu assisti inteiro. 12 capítulos. A qualidade de som e imagem não é lá essas coisas mas valeu.

O diretor José Padilha disse que esta é uma cópia do terceiro corte (uma pré-edição) e que o filme mudou bastante. Eu vi, adorei e com certeza vou querer assistir na telona e imagino que muitos pensam assim. No YouTube o primeiro capítulo já foi assistido por 39.000 pessoas.

Se não foi tudo uma jogada de marketing genial, o que a comemoração de Padilha pela prisão do pirateador indica, eu aposto algumas fichas que o filme será um sucesso, em boa parte pelo boca a boca gerado.

E como disse o Lucas :

"Se o diretor do filme está feliz por terem pego o copiador deveria ficar ainda mais por conta da película em questão entrar para a história do cinema brasileiro justamente pelo mesmo fato. O primeiro longa metragem brasileiro a ter se manifestado na era digital e com todas as questões que a envolvem.

E aproveitando vou me ater a uma questão para mim preciosa e da qual já falei aqui no diginois.
Um filme financiado com dinheiro público deveria ter DVD's baratos para serem vendidos nas ruas, caso contrário o crime "organizado" vai lá e faz. Nem todo mundo tem dinheiro para ir ao cinema.

Não precisamos ter um modelo audiovisual que imite o modelo americano com apenas o sistema filme-distribuidora-(poucas) salas de cinema. Podemos inventar o nosso modelo e ele pode passar por uma maior democratização da cultura num país fudido".


3 comentários:

Filipi disse...

A solução pro DVD barato até existe. E o fato de ser dinheiro público que financiou, um motivo a mais pra adotar o sistema.

Trata-se do SMD. Dê uma olhada no site http://www.portalsmd.com.br
Para a produção de DVDs existe o SMDV. Vale a pena conhecer.

Já temos bandas por aqui adotando o sistema. Da Caverna vai lançar seu disco em SMD. Seria legal que produtores audio-visuais lançando seus trabalhos em SMDV

Ulysses Dutra disse...

Salve Leleh!

Concordo contigo. Coletivo Operante planeja lançar seu disco usando esta mídia também.

Um abraço

Putu® disse...

cara, eu acho que não adianta, o negocio hj é disponibilizar para o pessoal e fazer rodar, a pirataria sempre existiu e vai continuar existindo, acho melhor nos munir de conecimento juridico sobre direitos autorais...
visitem o www.creativecommons.org lá tem informações valiosissimas, acho que devemos também é trazer os camêlos que vivem na informalidade para o nosso lado!